BLOG

Por Rosangela Vieira Costa

team commitmentO verdadeiro trabalho em equipe é um processo contínuo e interativo de um grupo de pessoas aprendendo, crescendo e trabalho interdependente para alcançar metas e objetivos específicos no suporte a uma missão comum.

As equipes altamente efetivas são compostas de grupos de indivíduos comprometidos que confiam um no outro, possuem um claro senso de propósito do seu trabalho, são efetivos comunicadores dentro e fora se certificam de que todos na equipe estão envolvidos nas decisões que afetam o grupo e seguem um processo que lhes ajuda a planejar todas as decisões e garantir qualidade do trabalho.

Grupo:
É um conjunto de pessoas com objetivos comuns, em geral se reúnem por afinidades. O respeito e os benefícios psicológicos que os membros encontram, em geral, produzem resultados aceitáveis a bons. No entanto, este grupo não é uma equipe.

Equipe:
Equipe é um pequeno número de pessoas com habilidades complementares, comprometidas com um propósito comum, com metas específicas de desempenho, com um mesmo método de trabalho e responsabilidade mútua.

Quando um grupo se transforma numa equipe, há entre os membros:

  • Confiança;
  • Empatia;
  • Respeito à individualidade;
  • Comunicação aliada à interação;
  • Afetividade;
  • Afinidade.


Diferença entre grupo e equipe:

Grupo Equipe
Trabalhar “sozinho” Trabalhar “Juntos”
Ênfase nas habilidades técnicas Ênfase nas habilidades interdisciplinares (interpessoal)
Atividades e tarefas estritamente definidas Tarefas (habilidade e conhecimento amplo)
Gestores determinam o trabalho Gestores e equipe determinam e planejam juntos
Informações restritas aos Gestores Informações compartilhadas entre todos
Recompensa no desempenho individual Recompensas individuais e de equipe
Assumir riscos é desencorajado e punido Assumir riscos é encorajado

Equipe VS Grupo

Tipos de Equipes

  • Equipes Virtuais: As equipes virtuais usam a tecnologia da informática para reunir seus membros, fisicamente dispersos, e permitir que eles atinjam um objetivo comum. Elas permitem que as pessoas colaborem on-line – utilizando meios de comunicação como redes internas e externas, videoconferências ou correio eletrônico – quando estão separadas apenas por uma parede ou em outro continente.
  • Equipes de trabalho auto gerenciadas: São equipes autônomas, auto gerenciáveis e que podem não apenas solucionar os problemas, mas também implementar as soluções e assumir total responsabilidade pelos resultados.
  • Equipes multifuncionais: São equipes formadas por funcionários do mesmo nível hierárquico, mas de diferentes setores da empresa, que se juntam para cumprir uma tarefa. As equipes desempenham várias funções (multifunções), ao mesmo tempo, ou seja, não há especificação para cada membro. O sentido de equipe é exatamente esse, os membros compensam entre si as competências e as carências, num aprendizado contínuo e alcançam os resultados em conjunto.

Adote o seu modelo de equipe e defina papéis

Independente do modelo de equipe adotado comprometa-se com sua equipe.

É importante definir claramente a missão, os valores da empresa, as metas e os objetivos da equipe. Todos têm que saber qual o objetivo do trabalho, para que o esforço seja feito na mesma direção.

Devendo sempre respeitar a individualidade e estimular a diversidade da equipe. Equipes são formadas de pessoas, que têm histórias de vidas, conhecimentos e experiências bem diferentes.

Cabe a cada membro de uma equipe aceitar e estimular as diferenças.
O Gestor deve estabelecer os papéis, pois cada membro da equipe de ter clara a sua função ou papel que deve desempenha para que possa atingir o objetivo comum.

Motive sua equipe e reconheças os talentos

Gestores são todos aqueles a quem se subordinam uma ou mais pessoas; sua responsabilidade é alcançar os objetivos estratégicos e operacionais para eles estabelecidos, e só é possível fazê-lo com pessoas motivadas.
Cabe também aos gestores motivar e reconhecer os talentos, pois com o tempo é natural que a equipe diminua o entusiasmo do início.
Pessoas são os ativos mais importantes nas organizações: são o propulsores que as movem e lhes dão vida.

Em minha opinião, o Gestor tem que gostar de pessoas e ter talento para lidar com elas. Mas, nem todos os gestores se dão realmente conta dessa realidade e conseguem desempenhar eficazmente o importante papel que têm na formação de equipes e no desenvolvimento de pessoas.

Para obter motivação da equipe, é preciso que toda a Empresa esteja empenhada em demonstrar que valorizam as pessoas. Aos gestores, por sua vez, cabe saber lidar com emoções; reconhecer empenho e dedicação, e não apenas reconhecer desempenho; envolver equipes na formulação dos planos estratégicos da área; manter comunicação aberta e transparente; disponibilizar ambiente propício e ferramentas necessárias ao trabalho; saber lidar com crises, mantendo as equipes coesas e sem desenvolver insegurança; gerenciar conflitos.
Pessoas tem que ser tratadas com respeito profissional e cuidado pessoal.

Cabendo ao gestor o papel de apoiar e desenvolver ações que levem a melhorar o clima organizacional.

E sempre que se fizer um trabalho excepcional, superar expectativas, atingir metas, devem-se celebrar as vitórias, um dos pilares do bom ambiente de trabalho.

Desejo uma ótima jornada a todos os Gestores e espero que se comprometam com suas Equipes!